domingo, 21 de agosto de 2011

A Banda mais bonita da cidade







Tenho uma amiga que passa por uma crise de identidade cruel. Ela fala que tentou tanto ser outra pessoa - ser perfeita, aceita, que acabou se perdendo um pouco no meio do caminho. Agora, diz ela... “é hora de colar os pedaços do que ainda possuo de mim mesma e completar o desenho com uma moldura que seja inquebrável. Esta moldura deverá ser feito do orgulho de ser eu mesmo”. Tirei uma lição enorme disto: encontrar uma linha entre a vulnerabilidade e a auto valorização. Perguntei-me seriamente: Será que vivo uma vida que eu realmente quero? Com a liberdade que eu preciso? Será que as pessoas podem ver quem eu sou quando conversam comigo?

A banda que apresento hoje, talvez seja mais conhecida, devido ao seu amado viral, “Oração”. No entanto, a beleza da banda não pára no nome. A banda mais bonita da cidade transcende os padrões da música pop brasileira, e ainda assim, tornaram-se populares. Suas músicas são regravações de compositores curitibanos e revela esta ótima cena da musica brasileira. Eles reúnem músicos da região paranaense e apostam em uma poesia rítmica sem muitas variações, apenas o puro ato de simplicidade.

Penso que como eles existem muitos outros músicos espalhados nas cidades brasileiras, cuja criatividade e "domínio" da arte musical são usados como uma forma de elevar-se para onde tudo é belo. Sinto uma inveja deles. Este mesmo sentimento, tive em ouvir suas músicas que se parecem mais como diálogos entre passarinhos. Peguei-me sorrindo involuntariamente e lacrimejando ao passar das músicas; escutei-as por quase 5 horas seguidas.


O álbum ainda não está completo, mas o efeito desta explosão de arte já pode ser conhecido em suas demos. As letras são simplórias e surpreendentemente exploradas, sua significância vai além das até exageradas repetições.

Escutando, pensei nesta minha amiga; enviei para ela estas músicas como uma forma de mostrá-la que é possível ser vulnerável, ser verdadeiro, ser forte e confiante com a simplicidade de mostrar o que se é: em forma crua e enxuta. Com certeza, a crítica da música popular brasileira demorará para aceitar este grupo porque se trata de uma arte coletiva, de um movimento. Nossa cultura ainda é muito centralizada em figuras centrais. 

Não se trata de salvação da música brasileira, apenas mais um lembrete que o bom nela existe e em abundância. É uma lição que mostra como temos jovens de bom gosto nos países de língua portuguesa que admiram e suportam nossos artistas.


Oração


Se eu corro (ao vivo)

A Banda Mais Bonita da Cidade (demo)


01. Canção Pra Não Voltar
02. Boa Pessoa
03. Submundo Autofágico
04. Lobotomia
05. Mercadoramama
06. Aos Garotos de Aluguel
07. Palavras Sujas
08. Ótima
09. Solitária
10. Nunca

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...